A rotatividade dos funcionários continua a ser um enorme problema para os varejistas. Em 2018, a taxa média de rotatividade de meio expediente foi de 81%, maior que os 76% em 2017.  Essa alta taxa de rotatividade vem com um preço enorme: custa muito encontrar, contratar e treinar cada novo funcionário. Com o aperto nos mercados de trabalho e a competição por associados experientes mais ferozes do que nunca, garantir alta retenção de funcionários é fundamental para qualquer organização de varejo.

Um fator que contribui frequentemente para a retenção é o quão engajado seus funcionários estão. Quando os funcionários estão mais engajados, eles estão menos frustrados, mais prestativos e eles vendem muito mais. Funcionários engajados são capazes de executar tarefas diárias, fornecem aos clientes informações uteis e acionáveis e trabalham produtivamente durante suas trocas de turno.

Aqui estão três estratégias que você pode utilizar para manter o alto engajamento dos funcionários:

  1. Fornecer mais oportunidades para treinamento

O trabalho de um funcionário está ficando mais complexo a cada dia que passa. E até agora, quase 1/3 dos funcionários de varejo não recebem nenhum tipo de treinamento formal. Dos que recebem, apenas 3% deles acham seu treinamento “muito efetivo”. Isso não é por causa dos varejistas não quererem treinar seus funcionários, mas sim porque simplesmente não há os recursos disponíveis para construir e executar um programa de treinamento extensivo.

O treinamento “on-the-job” é um modo efetivo e de baixo custo para dar suporte a seus funcionários. Contudo, para fornecer esse suporte, os gerentes de loja precisam gastar mais tempo no chão de loja e menos tempo no escritório. Isso pode ser realizado ao alinhar o agendamento de trabalho e simplificar a comunicação corporativa com a da loja, reduzindo dramaticamente a quantidade do tempo que os gerentes de loja gastam respondendo a e-mails e criando agendas semanais. Isso fornece a eles mais tempo para trabalhar com os funcionários, treinando as habilidades necessárias que precisam para fornecer um serviço excelente ao cliente.

  1. Otimizar o processo de agendamento de trabalho

É difícil para os funcionários se sentirem engajados quando estão frustrados com suas condições de trabalho. Em uma pesquisa feita recentemente pela Zebra, 55% dos funcionários de loja concordam que suas companhias estão com falta de funcionários, com 49% expressando que estão com sobrecarga de trabalho. 42% dizem que eles não têm muito tempo para ajudar os clientes porque se sentem pressionados para completarem suas outras tarefas.

Muito disso vem à tona por conta ao ineficiente processo de agendamento. Quando os gerentes de loja são forçados a criar agendas manuais, e quando as agendas de trabalho não contam para todo o trabalho que precisa ser feito em loja, erros e desalinhamentos inevitáveis colocam sobrecarregam os funcionários.

Com a plataforma de gerenciamento de força de trabalho e soluções de operações de loja em tempo real, não só os varejistas geram agendas otimizadas de trabalho mais rápido e eficiente, mas eles também podem explicar com mais precisão itens como qualificações de funcionários, armazenar carga de trabalho e tráfego de clientes. Quando os funcionários estão orientados de acordo com suas forças e fraquezas, assim como as variáveis que impactam a carga de trabalho em loja, eles não se sentem sobrecarregados e tem mais tempo para engajar com os clientes no chão de loja.

  1. Simplifique Iniciativas complexas em lojas

Buy-online, pick-up in store (BOPIS) não é novidade, porém os varejistas estão procurando por uma forma mais eficiente. O atual processo de picking pode ser melhor avaliado para ajudar os clientes de modo que não esperem em filas longas para coletar suas compras. Isso tem um impacto nos funcionários, que podem estar lidando com clientes.

Criar linhas de comunicação e processos efetivos é essencial para manter os clientes felizes quando eles comparecem na loja e obtêm vantagens de iniciativas complexas como o pick-up in store. Com a solução de gerenciamento de tarefas em tempo real que oferecem sistemas de comunicação online, os funcionários podem receber alertas imediatos para entregar os pedidos assim que clientes chegam às lojas, e os gerentes de loja podem usar essa comunicação para realinhar as tarefas caso seja necessário. A capacidade de reagir em tempo real garante que processos complexos são executas precisamente e que os clientes fiquem impressionados e satisfeitos com o serviço de alta qualidade.